Técnica 32: Metacognição

Metacognição é o estudo do funcionamento da cognição individual. Ela pode ser utilizada em várias áreas humanas e serve no auxílio mediativo, para analisar e avaliar como as partes pensam, racionalizam, sentem e respondem emocionalmente à controvérsia estabelecida.

Logo, a Metacognição avalia a cognição individual e colabora especialmente na descoberta das crenças, estruturas de pensamento e traços da personalidade capazes de permitir a resolução do conflito.

Na aplicação da técnica, o mediador faz um estudo das personalidades envolvidas no conflito, avaliando quais bloqueios ou crenças negativas poderão então ser desfeitos ou atenuados, com a substituição por novas formas de pensar e tentar reestruturar o pensamento visando resolver a lide.

Após o estudo, o mediador não deve rotular a parte, dizendo a ela sobre alguma crença sua, mas deve colocar o assunto de maneira neutra, pedindo a reflexão de ambos sobre como tal pensamento colabora à conflitividade e, como sua substituição, poderá colaborar no sentido de anulá-la.